à borboleta da coroa de ouro

Um brinde com som de adeus a tudo que nunca vou descobrir…
ao que não consegui por enquanto perguntar…
à suposta reputação que ainda me impede de perguntar…
(ao que nem me lembro mais que ia perguntar!)

Um brinde com som de adeus às dúvidas,
às coincidências, às mutualidades…
aos encontros, aos desencontros, ao seu parfum, ao seu shampoo, a seu cigarro de folha de uva molhado – deveria tê-lo lambido, mastigado…engolido!

Um brinde com som de adeus à antipatia de algumas coisas que estavam em volta de você, ao comprimento do seu corte de cabelo, à intolerância, às fugas, às ignoradas, ao dinheiro gasto, às perspectivas novas, inusitadas, à sua cidade, às ruas, ao sol, à chuva, ao hotel, ao Radiohead, à noite…

Ao tempo…
enfim…à tudo…

À tudo que te envolve e me traz você…
à tudo que te circunda…
à tudo que você gosta…
à sua escova de dente…
à sua roupa…
à sua lingerie
à você…

Que vinho você prefere?
Um brinde com som de adeus!
que o tilintar de nossas taças ecoe alto para efetivar o fim desta prisão! – ps: minha taça é de plástico.

Anúncios

~ por rossso77 em janeiro 18, 2013.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: